Pular para o conteúdo principal

Benchmark (computação)

    
Em computação, benchmark é o ato de executar um programa de computador, um conjunto de programas ou outras operações, a fim de avaliar a performance relativa de um objeto, normalmente executando uma série de testes padrões e ensaios nele.
O termo "benchmark" é também comumente usado para os próprios programas (de benchmarking) desenvolvidos para executar o processo. Normalmente, benchmarking é associado com avaliação de características de performance de um hardware de computador como, por exemplo, a performance da operação de ponto flutuante de uma CPU, mas há circunstâncias em que a técnica também é aplicável a software. Benchmarks de software são feitos, por exemplo, em compiladores ou sistemas de gerenciamento de banco de dados.
Benchmarks provêm um método de comparação da performance de vários subsistemas dentre as diferentes arquiteturas de chips e sistemas. Benchmarking é útil para o entendimento de como o gerenciador de banco de dados responde sob a variação de condições. Pode-se criar cenários que testam o tratamento de deadlock, performance dos utilitários, diferentes métodos de carregar dados, características da taxa de transição quando mais usuários são adicionados e ainda o efeito na aplicação usando uma nova versão do produto.

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Erro--Falha ao criar o objeto COM do VirtualBox.A aplicação será finalizada.Start tag expected, '<' not found.

Bom este erro no Virtual Box , parece ser chato de resolver  e pesquisando pela net encontrei uma boa solução : R esumindo: Pega o /home/microboard/.VirtualBox/VirtualBox.xml e renomeie para  /home/microboard/.VirtualBox/VirtualBox.xml_old Localiza o /home/microboard/.VirtualBox/VirtualBox.xml-prev e renomeie (apagando o -prev) para  /home/microboard/.VirtualBox/VirtualBox.xml Fiz assim e funcionou aqui (inclusive com outros dois arquivos que deram erro em sequencia)

Ponto de Entrada / Frontloja

Página:   CRD010C - Comprovante de Financiamento Página:   CRDGRAVA - Validação das Informações do Cadastro de Clientes Página:   FORMSTRC - Retorna para quais formas de pagamento pode ser gerado troco Página:   FRT010BL - Impede escolha de cliente Página:   FRT010CL - Seleção de cliente Página:   FRT050SA - Manipula valores a serem exibidos Página:   FRT050SB - Validação de Gravação de Sangria e Troco Página:   FRT050ST - Usado na impressão de Comprovante de Sangria Página:   FRT272ATP - Bloqueio de exibição da tela de detalhes Página:   FRTABRCX - Impressão de Relatório Gerencial Página:   FRTABREC - ECF - Abertura Impressora Fiscal Página:   FRTACRES - Fechamento de venda para adição de valores Página:   FRTALTPG - Omissão de formas de pagamento. Página:   FRTCALLRPC - Manipula conexão RPC para rotinas chamadas a partir da Function FR271CMyCall Página:   FRTCANCCF - Recuperação dos Setkey's Página:   FRTCANCELA - Acionado pós cancelamento Página:   FRTCARGA - Pré geração de carg

Como gerar o registro de inventário no bloco H?

Microsiga Protheus Versões: 10 e 11 Como gerar o registro de inventário no bloco H? Passo a passo: Este registro tem como origem um arquivo gerado através do relatório Registro de Inventário Modelo P7(MATR460), disponível no módulo Livros Fiscais (SIGAFIS). Para gerar o relatório é necessário configurar os parâmetros Gerar Arquivo de Exportação com a opção Sim e informar o nome do arquivo gerado no parâmetro Arquivo De Exportação do SPED Fiscal. Com esta configuração será gerado um arquivo de dados na pasta SYSTEM. Uma vez gerado este arquivo, é possível gerar o SPED Fiscal configurando os seguintes parâmetros na primeira tela Wizard : Gera inventário: Informe a opção Sim. Data de Fechamento: Configure conforme os parâmetros do relatório           Os parâmetros da ultima tela wizard são referentes a inventário, porém o parâmetro a seguir é obrigatório: Nome do arquivo gerado no relatório de inventário modelo P7: Preencha com o nome informado no parâmetro Arquiv